quinta-feira, 12 de dezembro de 2019

Amigos!

Josh Groban - Brave

Enfiou o Pinto...

...na cortadora
O homem trabalha num frigorífico. Ele já está lá há anos, e um dia confessa à esposa que tem uma compulsão terrível: uma vontade louca de enfiar o pinto na cortadora de salame. A mulher sugere que ele vá ver um psicólogo, mas ele não vai! 
Um dia ele chega em casa cabisbaixo. Sua mulher percebe que há algo errado. 

Pergunta o que foi. Ele responde:
- Lembra que eu comentei cocê que tava com uma vontade danada de meter o pinto na cortadora de salame?
- Oh, não! - diz a mulher - você não fez isso, fez?!
- Sim, eu fiz!
- Meu Deus, o que aconteceu?
- Fui despedido; pro olho da rua - responde o marido.
- Mas, e a cortadora de salame?
- Coitada da moça, ela foi despedida também.

quarta-feira, 11 de dezembro de 2019

Ele Não Gostou da Novidade...


Frederic DELARUE - Flying Over The Canyons

Bolos Sõ Com a Tenaz

Elementos da ASAE* foram fiscalizar o Alentejo. Entraram
numa tasca, pediram um café e um deles quis também um bolo. O compadre deu-lhe o café, pegou no bolo com a mão e colocou-o em cima do balcão.
Claro que foi chamado à atenção além de uma valente multa.
Apressadamente ligou para o compadre que tinha uma tasca lá perto e avisou-o:
- Compadre a ASAE esteve aqui. Tome atenção pois são capazes de o visitar a seguir.
Palavras não eram ditas e os fiscais a entrarem porta dentro:
- Bom dia, quero um café e um bolo com todo o cuidado.
Deu-lhe o café e com a tenaz tirou o bolo e colocou-o num pires.
Entretanto o fiscal reparou que o homem tinha um cordel preso na braguilha e perguntou:
- Oiça lá, para que é esse cordel?
- Então, quando vou fazer xixi pucho o cordel, abro a braguilha e faço xixi.
- Então depois como é que mete isso lá para dentro?
- É com a tenaz....

*Autoridade da Segurança Alimentar e Económica

terça-feira, 10 de dezembro de 2019

Bêbado mas Altruista

Little Drummer Boy - Pentatonix

Poder de Persuasão

Próximos de um lago de água geladíssima,

estavam um português, um americano e um francês. Na outra margem, dois amigos conversavam
— Dou-te cem euros se conseguires fazer com que aqueles três tipos saltem para a água gelada. 
O outro, sem perder tempo, foi falar com os três turistas e, após uns segundos, os três pularam para a água. O outro perguntou:
— Tudo bem, eu pago-te os cem euros, mas, diz-me, como fizeste para eles saltarem?
— Fácil! Para o americano, disse que era obrigatório por lei, para o francês, que era moda e, para português, disse que era proibido!
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...