quinta-feira, 21 de junho de 2018

Tão ,,, Tão ... Tão!



Era uma mulher tão feia, tão feia, tão feia... Que quando chupava um limão, era o limão que fazia caretas. 

Era um rádio tão pequenino, tão pequenino, que nem apanhava estações, só apanhava apeadeiros! 

Havia uma mulher que tinha os dentes tão amarelos, tão amarelos, que sempre que sorria o trânsito abrandava.

Era uma mulher tão beata, tão beata, tão beata que o padre fumou-a.  

Era um tipo tão vegetariano, tão vegetariano... que levou um miúda para trás da moita e comeu... a moita!

Era uma vez um miúdo tão alto, tão alto, tão alto, que quando comia um iogurte chegava à barriga fora de validade.

Era um homem tão gordo, tão gordo, que para apertar a camisa tinha que dar um passo em frente.

Era uma vaca que levava uma vida tão agitada, tão agitada, que em vez de dar leite, dava manteiga.

Era um homem tão gordo, tão gordo, tão gordo que quando caía da cama caía para os dois lados.

Era um homem tão velho, tão velho, tão velho... Que a primeira vez que viu o arco-íris ainda foi a preto e branco!

3 comentários:

  1. kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk...
    Minha querida amiga, é tudo tão, tão, tão engraçado que a gente se mata de tanto rir... kkkkkkkkkkkkkk... e vai ficando mais engraçada a cada uma que se lê... ahahahahahahahahaha...
    Valeu minha querida amiga, são todas ótimas, ri até... rsrsrsrsrs...
    Beijinhos com carinho!!!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ahahahahahahahahaahah!
      É verdade, nem dá para escolher uma, também eu eliminei algumas, só deixei as melhores kkkkk
      Bjs no coração

      Eliminar
    2. Ahahahahahahahahahahaha...
      Sim, minha querida amiga, das que escolheu não dá para eliminar nenhuma, são todas muito boas... kkkkkkkkkkkk...
      Valeu querida amiga!!!
      Beijinhos no coração!!!

      Eliminar

Related Posts Plugin forWordPress(self-hosted) , Blogger...