domingo, 4 de janeiro de 2015

Eis o Padre Que Me Vai Casar ... rsss

Este simpático sacerdote, fez uma surpresa maravilhosa aos noivos, cantando sua versão de "Hallelujah" feita especialmente para eles.

9 comentários:

  1. Fantástico, minha querida amiga, que bela surpresa. Este sacerdote está na profissão errada, canta muito bem, tem uma voz muito potente, ficou maravilhosa esta interpretação de Hallelujah.
    Valeu minha querida amiga, escolha este... rsrsrsrsrs... adorei!
    Beijinhos com carinho!!!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Também acho uma maravilha. Além da belíssima voz ele é muito simpático e deve ter muito senso de humor. Foi um momento maravilhoso para os noivos e seus convidados. Só não acho que ele tenha trocado a vocação kkkk Assim ele pode pôr o maravilhoso dom que Deus lhe deu para louvar a Deus kkkkk
      Bjinhhos no coração

      Eliminar
    2. Sim, minha querida amiga, ele é muito simpático. Certamente, foi um momento maravilhoso para os noivos e seus convidados, um momento inesquecível.
      Valeu minha querida amiga!!!
      Beijinhos no coração!!!

      Eliminar
    3. kkkkkkkk
      Luis, eu agora já estou a duvidar disto ahahahah Será que não é uma encenação? Digo isto porque só agora reparei no motivo decorativo que está na frente do altar... Um $. Nunca vi um templo religiso com um cifrão a decorar o altar ahahahahah
      Marque nos 2:26 e veja kkkkkk
      Bjinhos no coração

      Eliminar
    4. kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk...
      Minha querida amiga, achei estralho o símbolo, então fui pesquisar... antes de servir como cifra ou cifrão ele foi um símbolo religioso, é usado como símbolo da prosperidade e de dádivas, veja o que encontrei:
      "Conforme o site da Casa da Moeda do Brasil, o general Táriq-ibn-Ziyád, o Conquistador, em nome dos Califas Omíadas comandou a invasão do reino Visigodo no ano 711 da era cristã. Existem duas versões quanto ao caminho percorrido pelo general árabe. A primeira, em que teria Táriq partindo de Tânger, cidade de Marrocos, e da qual era governador. A Segunda, em que, para alcançar a Europa, teria Tárique partido da Arábia e passado, sucessivamente, pelo Egito, desertos do Saara e da Líbia, Tunísia, Argélia e Marrocos; cruzando o estreito das Colunas de Hércules e chegado, por fim, à Península Ibérica. Táriq teria mandado gravar, em moedas comemorativas do feito, uma linha sinuosa, em forma de "S", representando o longo e tortuoso caminho percorrido para alcançar o continente europeu. Cortando essa linha sinuosa mandou colocar, no sentido vertical, duas colunas paralelas, representando as Colunas de Hércules, significando a força, poder e a perseverança da empreitada." A igreja é neopentecostal.
      Valeu minha querida amiga!!!
      Beijinhos no coração!!!

      Eliminar
    5. Que interessante! Muito obrigada por esta informação, nunca me passaria pela cabeça que o cifrão tinha esta origem.
      Do general Tariq eu sei mais ou menos a história, tive de estudar isso e é uma das partes da nossa História de que mais gosto. Foi ele que comandou as forças muçulmanas que invadiram a nossa Península Ibérica em 711. O ano em que os chamados infiéis começaram a destroçar os reinos cristãos. Tariq derrotou Rodrigo, o último rei visigodo, acabando com o reino Visigótico (cristão). Os Muçulmanos permaneceram na Península a que eles chamavam Al- Andalus até 1492, quase 8 séculos de domínio árabe.Durante todo esse tempo foram travadas duras lutas entre Cristãos e Muçulmanos. Os Cristãos refugiaram-se nas montanhas das Astúrias onde esse pequeno reino foi o último reduto cristão na Península.. A partir das Astúrias os Cristãos iniciaram a Reconquista e a cristandade do resto da Europa cerrou fileiras para impedir que eles avançassem e passassem os Pirinéus. Muito guerreiros vieram em auxílio e é nesse contexto que nasce Portugal quando D. Henrique de Borgonha, um cavaleiro francês, vem auxiliar o rei de Leão. Presta bons serviços e Afonso VI dá-lhe o Condado Portucalense e a filha, D. Teresa, em casamento. Deles nasce D. Afonso Henriques que viria a lutar valentemente e a derrotar os Muçulmanos muitas vezes, alargando o território. Em compensação o Papa elevou o Condado Portucalense a Reino e Afonso Henriques a Rei. Assim nasceu Portugal como reino independente. Afonso Henriques ficou vassalo do Papa e ficou de pagar ao Papa um tributo anual de 4 onças de ouro, mas como bom português que já era, nunca mais lhe pagou nada ahahahahhaha
      Foi aí que começou o célebre "BURACO" que ainda ninguém conseguiu tapar e é de Afonso Henriques que nós herdamos este jeito de caloteiros kkkkkk
      Mas com o tempo, embora houvesse essas lutas, havia uma convivência pacífica entre as populações e os muçulmanos instalados, que ao fim de anos já não eram estranhos. Eles tiveram uma influência enorme na civilização da Península, a cultura deles em muitos aspectos é riquíssima, eram muito mais avançados: na arquitectura, pintura, música, agricultura, na língua, etc Foi uma influência muito positiva
      E tudo isto porquê? Por causa do CIFRÃO kkkkkkk
      Bjinhos no coração

      Eliminar
    6. Muito interessante, minha querida amiga, viu quanto o cifrão do altar nos ensinou. Também não sabia a origem do cifrão, fiquei curioso e fui procurar.
      Também agradeço pela informações, foquei conhecendo mais uma parte dos primórdios e da história de Portugal, muito bom.
      Valeu minha querida amiga, adorei as informações.
      E viva o cifrão!!!
      Beijinhos no coração!!!

      Eliminar
    7. Esta parte da História é muito interessante para quem gostar, é claro. É o meu caso, adoro História. Nem todas as partes. Melhor não me dar corda que depois acontece como no coment anterior, sai um jornal.
      Esqueci de dizer que "Colunas de Hércules" era o nome que os antigos davam ao Estreito de Gibraltar que é o ponto em que a África quase toca na Península Ibérica, por onde mais facilmente se atravessa.
      Luis, ontem aconteceu uma tragédia horrível em Fraça, 12 jornalistas e cartoonistas e polícias assassinados bárbaramente. Um horror!
      Bjinhos no coração

      Eliminar
    8. Minha querida amiga, é sempre bom conhecer mais um pouco de História, mas veja bem, eu disse "um pouco"... ahahahahahahahaha... Também gosto de História.
      Sim, minha querida amiga, uma horrível tragédia, um horrível crime contra o direito de liberdade, um verdadeiro horror contra a humanidade, uma afronta contra o mundo.
      Valeu minha querida amiga!!!
      Beijinhos no coração!!!

      Eliminar

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...